Guia Completo para San Andres – Como chegar, onde ficar e o que fazer no paraíso caribenho

San Andres é um pequeno paraíso caribenho. Todos os anos, mais de um milhão de turistas desembarcam na ilha colombiana atraídos pelo famoso mar de sete cores, que também abrange as fantásticas ilhas de Providência e Santa Catalina.

E é em torno desse mar com diferentes tons de azul que gira a vida de San Andres e onde reside todo o charme da ilha. O turismo é a maior fonte de renda do lugar e, por isso, existem opções de passeios e um número infinito de agências espalhadas por lá.

Antes de visitar San Andres tenha em mente que a pequena  ilha recebe mais de 100 mil turistas por mês. Isso significa que os passeios costumam ser lotados.

Veja abaixo tudo que você precisa saber para aproveitar a ilha ao máximo e organizar suas férias.

Como chegar

Não existem voos diretos do Brasil para San Andres. As opções mais comuns costumam ser chegar à ilha passando por Bogotá, capital colombiana, ou pelo Panamá. Ao comprar a passagem, tenha o cuidado de ver qual o tempo entre um voo e outro.  Há opções em que as cias aereas dão apenas uma hora, o que é bem arriscado, já que a fila da imigração em Bogotá é enorme. 

Passagem para San Andres.jpeg
Passagens para San Andres. Pesquisa: Dezembro de 2018

O Aeroporto Gustavo Rojas, em San Andres, é  bem pequeno e a chegada é uma bagunça, já que nitidamente o lugar não foi pensado para receber um grande número de pessoas.

 

Documentação

Como San Andres faz parte do território colombiano, os brasileiros que ficam por até 90 dias não precisam de visto ou passaporte. É possível entrar no país com um RG de até 10 anos e com uma foto atual.  

Mas a vacina de febre amarela é obrigatória e, por isso, é preciso ter em mãos a carteira de vacinação internacional.

Taxa de turismo

Para entrar em San Andres é preciso pagar uma tarjeta turistica de 105 000 ( Cerca de R$ 130). Eu comprei no balcão da cia aérea em Bogotá antes do embarque. Existe um reajuste todo ano, então os preços podem variar. 

Guardo o documento com cuidado. É preciso apresentá-lo quando for sair da ilha ou se você quiser ir para Providência e Santa Catalina.  

Quando ir

Como falamos anteriormente, a vida em San Andres é em torno do mar. Por isso, escolher a época certa para visitar a ilha é crucial na hora da visita. Fui no início de janeiro e peguei dias de muita chuva e vento. O mau tempo significa que as cores do mar mudam, a visibilidade da água fica menor e passeios podem ser cancelados por motivos de segurança.

A viagem foi ruim? Não mesmo. Mas é inevitável sentir um pouco de frustração, especialmente por não ter feito mergulho. Segundo os moradores, os melhores meses para visitar a ilha são fevereiro, março e abril.

Onde se hospedar

San Andres é pequena, mas a região do hotel faz toda a diferença na viagem. Veja aqui uma lista de hotéis disponíveis.

O bairro de North End é a principal escolha dos turistas e onde existe uma maior oferta de hotéis, bares e restaurantes. Os passeios principais, como Acuario e Johnny Cay, saem de lá. É possível fazer quase tudo a pé.

Descendo um pouco a ilha fica Orange Hill, um bairro mais pacato e com mais contato com a natureza. Agora que conheço a ilha, me hospedaria aqui em uma segunda visita.

Já o bairro de San Luis fica perto de um dos cartões-postais da ilha, Rocky Cay.

Quanto tempo ficar

Pelo menos cinco dias para fazer os passeios e também aproveitar pra fazer nada na ilha.

O que fazer em San Andres

 

Alugar um carrinho de golfe ou scooter

San Andres
Meu carrinho inseparável em San Andres

Essa é a melhor maneira de dar a volta na ilha e conhecer tudo no seu ritmo. Na alta temporada diária de um carrinho de golfe custa cerca de 170000 Cops ( poucos mais de R$ 200). Certifique-se que o tanque está cheio. Uma opção mais barata é alugar uma scooter. Diversas agências oferecem aluguel dos veículos e o preço varia bastante. Sempre negocie.

O mais legal pe ir descobrindo os pontos da ilha devagar e sem pressa. 😉

Acuario

 

 

Na imagem da esquerda: Expectativa criada pelo Instagram / Imagem da direita: Realidade oferecida por São Pedro. 

Esse é um dos passeios mais famosos. A pequena ilha fica apenas a 5 minutos de barco de San Andres e  é cercada por águas cristalinas. Por conta da boa visibilidade, o lugar é perfeito para snorkling então leve sua máscara. Eles também alugam por lá, mas vai saber como é a higienização, ne?

No acuario há um locker onde é possível guardar as mochilas. Como a água ali é baixa, não chega nem na cintura, é possível ir caminhando para Haynes Cay, uma outra ilhota.

Quando fui, o acuario estava absurdamente cheio. Por conta do tempo, a água também não estava tão transparente como o instagram tinha me prometido hehe

Dali também saem passeios para ver arraias. Embora seja muito legal ver os animais em habitat natural, os guias estimulam que os turistas toquem nos bichos e alguns até tentam tirá-los da água. Se você fizer essa parte do tour, apenas não seja esse tipo de pessoa. Os animais estão em seu habitat e o contato humano tão direto é estressante e prejudicial para eles.

Johnny Cay

Johnny Cay
Johnny Cay ao fundo. Não foi dessa vez 😦

Quando fui, estava fechado por conta dos fortes ventos 😦 Então o mais perto que cheguei da ilha foi a observando de San Andres mesmo hehe

Rocky Cay

Rocky Cay

Surpreendentemente, foi minha praia favorita. Muito menos cheia que os passeios mais populares, achei ótimo ficar ali sem fazer nada. Ali também é possível alugar um jet ski ou fazer um passeio de parasail.

Outros Passeios

Para quem vai na época certa, o mergulho é um passeio imeprdível se você não for para Providência.  Há outros passeios que não me interessaram, como o aquanautas ( um mergulho com um capacete) e a caverna do Morgan, um pirata famoso na região.

Mais posts sobre a Colômbia:

Quando custa viajar pela Colômbia

O que fazer em Bogotá

Onde se hospedar em Bogotá

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: