Rio for beginners – Como funciona o Carnaval no Rio de Janeiro

Segundo pesquisa realizada pelo blog Pelos Quatro Cantos, não importa em que lugar do mundo você chegue, ao informar que você é brasileiro 8 entre 10 pessoas dirão imediatamente “Oh, Brazil! Carnaval, Samba, Futebol”.  Embora o futebol esteja em um momento discutível, Carnaval é algo que, definitivamente, a gente entende muito.

No Rio de Janeiro, palco do Carnaval mais famoso do mundo, os números também impressionam. Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro, em 2016 a cidade recebeu mais de 1 milhão de turistas que movimentaram R$ 3 bilhões durante o Carnaval. Um ótimo argumento para rebater quem reclama que a festa não movimenta a economia do país. 😉 

Desfile das Escolas de Samba

Sambodromo.jpeg

Como você provavelmente já sabe, os desfiles acontecem na Marquês de Sapucaí (a.k.a. sambódromo) . Os principais desfiles acontecem no domingo e segunda-feira, quando seis escolas do grupo especial desfilam por dia. A festa começa às 21h e vai até amanhecer. No sábado após o carnaval acontece o desfile das campeãs, com as cinco escolas melhor classificadas.

Eu decidi ir ao desfile de última hora e comprei o ingresso de um cambista por R$ 100. Fiquei no Setor 13, área menos nobre e que pega o finalzinho do desfile das escolas. Mas não acho que isso tenha atrapalhado minha experiência, já que o pessoal continuava super animado.

Também é possível comprar os ingressos por telefone, com a Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa). Eles anunciam a data da venda e cada pessoa tem direito a, no máximo, 4 ingressos. O comprador recebe uma senha individual e os dados de uma conta para fazer o depósito até a data estipulada. Os valores dos ingressos vão de R$ 5, nas arquibancadas populares, até R$ 110 mil reais nos super camarotes.

2012_liesa_mapa-sambodromo_normal_med

Para quem é mais engajado, é possível comprar uma fantasia e participar dos desfiles. No site Rio Carnival é possível encontrar fantasias a partir de R$ 450. Não é preciso participar dos ensaios técnicos, é só chegar 1h30 antes do início do desfile.

Bloquinhos de Rua

Muito mais democrático e plural, os bloquinhos de rua são o melhor do Carnaval do Rio de Janeiro. Como diria a Susana Vieira, para participar você só precisa levar o seu corpinho, seu talento e sua confiança.

Banda_de_Ipanema.jpg

São aproximadamente 300 blocos espalhados por toda cidade. Não gostou de um? É só ir para o próximo. Normalmente eu me organizo para ir em dois blocos por dia. O ideal é chegar uma meia hora antes do bloco sair e aproveitar a concentração.

Achei bem seguro e vi bastante policiamento na maior parte dos blocos. Claro que é sempre bom prevenir: eu nunca levo celular, coloco parte do dinheiro em uma doleira e outra parte no bolso da frente. Geralmente eu levo R$100 por dia, mas  dificilmente gasto tudo isso. 

O Guia da Boa tem uma lista com todos os blocos. Em 2016 usamos o aplicativo do Carnaval O Globo, e achei muito bom. Não sei se eles terão uma versão atualizada esse ano.
Eu evito os blocos gigantes como Sargento Pimenta e Cordão da Bola Preta porque acabo não me divertindo. Mas amo blocos como Bangalafumenga, Os Barbas, Céu Na Terra e a Favorita.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s